segunda-feira, 24 de março de 2008

Contador na gaita. Já!

O "JÁ!" já esteve na moda. Lembram-se dos tempos pré-25-de-novembro? Era o regabofe do JÁ! Já isto, já aquilo. A malta mais nova JÁ nasceu depois, daí que JÁ não compreenda a importância dum JÁ a tempo e horas. Quanto aos menos novos ainda se lembram e JÁ não têm desculpa. É que JÁ me estou a passar dos carretos com a nova deste governo: perguntar à malta casadoira quanto é que o fotógrafo cobrou, quanto pagaram pelo copo-de-água; JÁ agora: ponham lá um contador na gaita da malta: ficavam a saber quantas pinocadas os nubentes JÁ tinham dado.
Cambada de proxenetas (chulos, em português correcto)

1 comentário:

RCataluna disse...

"...um contador na gaita da malta..." é coisa para doer, não? Imagino, se o governo avançasse com uma dessas até nos obrigava a pagar o aluguer!