terça-feira, 27 de fevereiro de 2007

Vam' lá a puxar por essa miólêra



Ora vamos lá a puxar por esses miolos. Pode ser que já saibam como é. Para os pobres coitados que ainda não sabem, a coisa passa-se do seguinte modo: unir o 1 com o 1, o 2 com o 2, o 3 com o 3, etc. Por cada quadrado apenas pode passar uma linha de união, o que quer dizer que a linha que liga os 4s não se pode cruzar, por exemplo, com a linha que liga os 5s.
Se não quiserem estar no "corta e cola" para imprimir, podem pegar numa folha de papel quadriculado e passar o problema para lá. Até serve para mostrar depois à malta conhecida a "trabalhêra" a que se deram para provar ao mundo que lá na vossa rua também mora um Einstein.

Para os espertinhos fica o aviso: não vale passar pelos cantos dos quadradinhos, entra-se a direito e sai-se a direito (ondé q'eu já óvi isto?), nada de diagonais.
Daqui por uns dias ponho a solução (eu também tive de pôr a sinapse de estimação a bulir)

Assim que consewguirem, ponham em comentário.
Um abraço e boas cefaleias, eh eh.

4 comentários:

celtiberix disse...

Esqueci-me de vos dar uma dica, mas vai mesmo aqui nos comentários: se a coisa estiver bem feita todos os quadrados ficam preenchidos pelas linhas de união

Zig disse...

Ó amigo, levei mais tempo para fazer a m.... da tabela do que descobrir a solução. Agora, como é que a meto aqui????????

Já não tenho o teu endereço de e-mail, portanto, não sei....

celtiberix disse...

PARABÉNS AO ZIG !!!!!
Ok, zig, vamos lá por partes.
O esquema do copia/corta e cola não dá para os comentários (penso eu, mas sei lá...).
Se quiseres podes mandar a solução para antonioaleixoARROBAnetvisaoPONTOpt que eu "posto" aqui com os merecidos parabéns. Claro que tens que substituir o ARROBA por @ e o PONTO por . mas isso já tu sabes, é só por causa dos busacdores automáticos de endereços.
Quanto à cópia da tabela, isso fica ao critério do sofredor, pois então :)

Zig disse...

Vou já (finalmente) tratar disso!